Interlagos, 10 fatos curiosos sobre um dos circuitos mais temidos da F1. [Papo de Homem]

Foto do autorpor Guilherme Nascimento Valadares
em 28/09/2010 às 19:40 | PdH Shots

 

Alguns fatos são conhecidos do grande público, outros somente pelos fanáticos do esporte.

Trivia Interlagos

1. A área onde Interlagos fica foi comprada em 1938 por dois empreiteiros locais. No entanto, a primeira corrida de F1 em Interlagos aconteceu em 1973.

2. Interlagos tem 4.3km de distância e 71 voltas, totalizando 305.9 km de prova. O tempo de prova recorde foi de 1h28’01″451, com média de 208,517 km/hora, em 2004.

3. O nome completo do autódromo é José Carlos Pace, em homenagem ao piltoto brasileiro que faleceu em acidente aéreo logo após vencer justamente nesse circuito. Essa foi a única vitória da carreira de Pace.

4. O Grand Prix do Brasil chegou a ser realizado no Rio, no autódromo de Jacarepaguá. Após algumas rixas, ficou de vez em São Paulo.

5. O circuito é percorrido no sentido anti-horário, o contrário do que os pilotos estão acostumados. Isso significa uma carga adicional enorme de esforço físico e tensão extra no pescoço.

6. A volta mais rápida da história de Interlagos foi cravada pelo polêmico Juan Pablo Montoya em 2004, com um tempo de 1’11”437. A volta de treinos mais rápida foi cravada por Rubens Barrichelo, também em 2004, com o tempo de 1’10″646.

7. Fittipaldi, Senna, Massa e José Carlos Pace foram os únicos brasileiros a vencerem em Interlagos. Schumacher é o maior vencedor de Interlagos, com 4 vitórias.

8. Os campeonatos de 2005, 2006, 2007, 2008 e 2009 foram todos decididos em Interlagos. Pela competitividade desse ano, acredito que não vai se repetir. A decisão deve ficar para a corrida nos Emirados Árabes, a última da temporada.

9. Senna venceu em 1991 e 1993. A de 1991 merece ser contada em detalhes. Liderou tranquilamente até a volta 65, faltando apenas 6 para o final. Perdeu a terceira marcha. Na sequência, perdeu a quarta. Percorreu mais duas voltas e perdeu a quinta marcha, com apenas 4 segundos de vantagem para o segundo colocado. Quando venceu, Senna afirmou ter sido essa a vitória mais sacrificada de toda sua carreira. Aqui o vídeo da histórica última volta (se for fã de Senna, prepare-se, é de arrepiar), com a narração de Galvão Bueno.

10. Os campeões da F1 de 2008 e de 2009 foram decididos em Interlagos. Ambos eram pilotos britânicos, dirigindo um carro de número 22, com motor Mercedes, que terminaram na exata quinta colocação. Porra, haja coincidência! Em 2009, Button levantou o caneco. E em 2008 Hamilton foi o vencedor, se consagrando o mais jovem piloto da história da F1 e também único negro a ser campeão, com 23 anos.

Agora imprima e guarde para puxar papo com seus amigos no dia 7 de Novembro, quando acontece a edição desse ano.

Oferecimento: TAM

 

 

Anúncios

Sobre chikletinho


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: